Avaliação do Usuário

Estrela ativaEstrela ativaEstrela ativaEstrela inativaEstrela inativa
 

É basicamente é o “Comprometimento do Instrutor Profissional em exercer a atividade Instrutor de Rapel com seriedade”, e principalmente dá sustentação a sua prática profissional, assumido a promoção do Rapel, prevenção de acidentes, e compromisso com a pessoa e coletividade, dentro dos princípios legais, éticos e dos direitos humanos.

Código de ética do Instrutor de Rapel rege:
Das Relações Profissionais; Responsabilidades e Deveres; Das Relações Com a Pessoa; Das Infrações e Penalidades.

 

A Confederação Brasileira de Rapel (CBR), o uso de sua competência estabelecida pelo seu estatuto no art. 4º, par. §5º, incisos C, constitui o Código de Ética do Instrutor de Rapel Confederado.

O Instrutor de Rapel exerce atividade, que se processa pelo estudo, pesquisa e aprimoramento componente próprio de conhecimentos técnicos e, realiza-se na prestação de serviços à pessoa e, coletividade, na sua conjuntura e circunstâncias a segurança à integridade física da pessoa; O comportamento do Instrutor de Rapel profissional se estabelece com uma consciência individual e coletiva, visando compromisso profissional e social, exercendo sua atividade com competência para a promoção do lazer da pessoa, a garantir sua integridade física e psicológica.


O presente código entrou em vigor em 02º de Janeiro de 2017, revogando-se as disposições.